GUARDAR OU GASTAR?

04 out GUARDAR OU GASTAR?

Em tempos de crise as opiniões se dividem: devemos aproveitar e comprar o que queremos antes que o dinheiro acabe? Ou, devemos guardar o máximo possível para garantir o futuro?

Diante dessas contradições, como decidir? Lembrando que a sabedoria reside na simplicidade, um bom conselheiro poderá ser encontrado nas estradas. Isso mesmo! Um dos sinais de trânsito mais inteligentes que existe é também uma excelente dica financeira: NA DÚVIDA NÃO ULTRAPASSE.

Não estamos falando de uma grande e cruel dúvida, mas sim daquele breve instante em que você se pergunta: será que devo, será que posso, será que vai dar? Se você tem alguma dúvida, é sinal de que a prudência e a inteligência estão habitando sua mente e isso é ótimo. Ninguém está dizendo para você parar na estrada e não mais andar, mas que, neste momento, é sábio não ultrapassar. Não ultrapasse seu orçamento, não gaste tudo, não compre os presentes mais caros, guarde parte do seu décimo terceiro e comece o ano de 2017, não esperando o pior, mas se planejando para o melhor.

E, para que você possa construir um bom planejamento e uma ultrapassagem na hora certa, procure utilizar uma planilha de orçamento doméstico e analisar quais são as “necessidades mentais” que estão fazendo você arriscar.

Márcia Tolotti

Nenhum comentário.

Adicione um comentário